Release

AÇÕES POSITIVAS EM MOVIMENTO
O 21ª edição do Encontro Anual 108 Horas de Paz será online

Mais do que nunca este fim de ano pede reflexão. O que temos feito da nossa vida? Como imaginamos o futuro? O que pode ser feito para que o mundo seja um lugar melhor para todos? Pensar juntos sobre o assunto e trocar ideias sobre novas possibilidades, conhecer e aprender com ações que já vem acontecendo são alguns dos objetivos do 108 Horas de Paz, encontro anual promovido pelo CEBB – Centro de Estudos Budistas Bodisatva e pelo ICM – Instituto Caminho do Meio, que tradicionalmente acontece na virada do ano.

        “Ações Positivas em Movimento” será o tema desta 21ª edição, que, por conta da pandemia, desta vez será online, de 27 de dezembro a 1º de janeiro. As inscrições já estão abertas e podem ser feitas em dois sites: https://108horasdepaz.com.br  ou www.cebb.org.br/online-108-horas-de-paz-2020-21,

A programação inclui palestras, mesas redondas, rodas de conversa, rodas de sonho, oficinas, exibições de vídeos, apresentações artísticas e atividades culturais com foco na área da saúde, da educação, do meio ambiente, da economia e no diálogo inter-religioso.

Ao promover redes de diálogo, no âmbito nacional e internacional, o objetivo é compartilhar saberes, gerar reflexões e impulsionar propostas concretas para lidar com os atuais desafios da sociedade. Trata-se de um encontro potente de pessoas que buscam gerar benefícios a todos os seres.

“Nossa intenção é reforçar as redes horizontais de interdependência, compaixão e colaboração, que se tornam especialmente importantes em tempos de acirramento das questões sociais e ambientais. Acreditamos que, fortalecendo nosso movimento conjunto a partir de visões positivas e amplas e dando visibilidade às iniciativas relevantes e construtivas, podemos gerar uma ação que faça sentido e que nos ajude a construir ambientes melhores para além de conflito e crise”, declara Ricardo Pellegrini, presidente do ICM – Instituto Caminho do Meio.

            O evento acontecerá nos três turnos (manhã, tarde e noite) e vai contar com a participação de convidados de renome, do Brasil e de fora. Para o dia da Abertura (27/12), que pretende discutir o processo de descolonização do Brasil, já estão confirmados:

        Lama Padma Samten – Mestre em física quântica pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, fundador do Centro de Estudos Budistas Bodisatva (CEBB), com sede em Viamão (RS) e de outros centros de prática e retiros em todo o país. Ordenado Lama por Chagdud Tulku Rinpoche, em 1996,  integra os ensinamentos budistas e o treinamento da mente à vida cotidiana e às diversas áreas do saber, como educação, psicologia, economia, administração, ecologia e saúde.

        May East – Educadora e designer em sustentabilidade, fundou e capilarizou o Gaia Education em 55 países nos mais diversos estágios de desenvolvimento. Especialista na co-criação de projetos junto a comunidades tradicionais para o fortalecimento da resiliência climática. Trabalha internacionalmente com agências intergovernamentais, setor privado e governos locais na criação de políticas para a implementação dos ODS (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável).

        Lia Diskin – Escritora e ativista Social, recebeu vários prêmios, entre eles o da UNESCO, em 2006, por sua contribuição na área de Direitos Humanos e Cultura de Paz e também o Prêmio Internacional da Jamnalal Bajaj Foundation, recebido este ano do Governo da Índia, por sua contribuição na promoção dos valores Gandhianos.

        Ailton Krenak Líder indígena, ambientalista, filósofo, poeta e escritor brasileiro com reconhecimento internacional. Considerado uma das maiores lideranças do movimento indígena do Brasil, pertence a etnia indígena Krenak.

        Luiz Gonzaga de Souza Lima – Cientista político mineiro, professor universitário e autor do livro A Refundação do Brasil – Rumo à Sociedade Biocentrada.

Entre os convidados de destaque do segundo dia (28/12), que será voltado para a área da Saúde, estão: o médico sanitarista Eugenio Scannavino Netto que atua, desde 1983, na cidade de Santarém/PA, em comunidades extrativistas na Amazônia, com a ONG Saúde e Alegria, da qual é fundador e coordenador. A vice-presidente da ANEP (Associação Nacional para Educação Pré-Natal), psicóloga e educadora Laura Uplinger também já está confirmada bem como o biólogo, professor e pesquisador Ricardo Monezi, Pós-Doutorado em Saúde Coletiva pelo Departamento de Medicina Preventiva e Doutorado em Ciências pelo Departamento de Psicobiologia da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), com pesquisa de Mestrado sobre o Reiki (técnica de imposição de mãos).

A Educação será o foco do terceiro dia (29/12) do evento, a programação conta com nomes importantes da área como:

        Flávio Bassi – Antropólogo e vice-presidente da Ashoka na América Latina, comunidade global que constrói e cultiva líderes e transformadores sociais em diversos campos.

        Sônia Goulart – Coordenadora e co-criadora da CONANE (Conferência Nacional de Alternativas para a Nova Educação), maior rede de educadores transformadores do Brasil.

        Herman Van De Velde – Educador popular da Nicarágua da iniciativa ÁBACOenRed, espaço virtual de educação alternativa.

        Helena Singer – Consultora em projetos de pesquisa com pós-doutorado em Educação, integrante do Programa Escolas Transformadoras e do Movimento Inovação na Educação.

        Ignacio Carrasco – Educador da etnia Mapuche do Chile que desenvolveu o projeto de uma escola de orientação democrática e matrística combinando as ideias de Maria Montessori e de Humberto Maturana.

        Irene Reis – Educadora, fundadora e presidente da CORE (Comunidade Reinventando a Educação), que agrega várias iniciativas pedagógicas na área.

O jornalista André Trigueiro, editor-chefe do programa Cidades e Soluções da Globo News, escritor, professor e criador do curso de Jornalismo Ambiental da PUC-Rio confirmou presença no quarto dia (30/12), que será dedicado ao Meio Ambiente e à Economia. Além dele outros grandes nomes irão enriquecer o encontro: o agricultor e pesquisador suíço Ernst Götsch, pai da Agricultura Sintrópica; a Ministra da Cultura, Descolonização, Despatriarcalização e Interculturalidade da Bolívia, ativista e líder indígena Sabina Orellana; Enrique Leff, sociólogo ambientalista, Doutor em Economia do Desenvolvimento pela Sorbonne (França), Professor de Pós-Graduação em Ecologia Política e Políticas Ambientais na Universidade Autônoma do México; Mirian Vilela, Diretora Executiva da Secretaria Internacional da Carta da Terra e do Centro de Educação para o Desenvolvimento Sustentável da UPEACE;  Clóvis Cavalcanti, Pesquisador Emérito da Fundação Joaquim Nabuco e professor da UFPE, Presidente de Honra da Sociedade Brasileira de Economia Ecológica (EcoEco) e Presidente-Eleito da International Society for Ecological Economics (ISEE) e ainda o líder indígena Kretã Kaingang, da Coordenação Executiva da APIB – Articulação dos Povos Indígenas do Brasil.

               O último dia do ano (31/12), o quinto do evento, será dedicado ao Diálogo Inter-Religioso, Lama Padma Samten do CEBB irá receber representantes de diversas tradições para uma conversa, entre eles: Marcelo Barros – Frei Beneditino CATÓLICO de PE, Ricardo Libermann – Teosofia do RS, Baba Phil – Rede Batuque RS, Jorge KOHO Mello Sensei – Ordem Zen Peacemaker.

               O encontro encerra no dia 1º de 2021 com a tradicional palestra de abertura de Ano Novo oferecida pelo próprio Lama. “As impossibilidades são aparências. O budismo ensina a ultrapassar essas aparências, percebemos como as realidades são construídas, como parecem ser rígidas, de que forma podemos ultrapassar os obstáculos e construir novas realidades. É notável a quantidade de iniciativas pelo mundo de pessoas que conseguem construir novas realidades”, comenta Lama Padma Samten. “O 108 Horas de Paz é ação em meio ao mundo, um reencontro com a sabedoria natural da qual todos nós dispomos, para a construção de um mundo melhor”, conclui.

Serviço

ENCONTRO 108 HORAS DE PAZ – Ações Positivas em Movimento

Evento Online

Início: 27/12/2020 – domingo, às 9h
Término: 01/01/2021 – sexta, às 12h

Programação

Domingo, 27 de Dezembro: Abertura
Segunda, 28 de Dezembro: Saúde
Terça, 29 de Dezembro: Educação
Quarta, 30 de Dezembro: Meio Ambiente e Economia
Quinta, 31 de Dezembro: Diálogo Inter-Religioso
Sexta, 1 de Janeiro: Palestra de Abertura do Ano, com Lama Padma Samten

Inscrições: https://108horasdepaz.com.br/ ou www.cebb.org.br/online-108-horas-de-paz-2020-21

Contato: Claudia Teixeira – cebbcm@gmail.com

 

Programação

Abertura

27/Dezembro
- Domingo -

Saúde

28/Dezembro
- Segunda -

Educação

29/Dezembro
- Terça -

Meio ambiente

30/Dezembro
- Quarta -

Inter-religioso

31/Dezembro
- Quinta -

Encerramento

01/Janeiro
- Sexta -