Instituto Caminho do Meio – ICM

Centro de Estudos Budistas Bodisatva – CEBB

Budismo, Sociedade e Espiritualidade

2023-2024 | 24ª edição
De 27 de dezembro a 01º de janeiro

30/12 | Sabado

Espiritualidade, Sociedade e Cultura de Paz

Neste encontro, convidamos os diferentes participantes a compartilhar sua visão de sociedade e cultura de paz a partir da perspectiva espiritual. Convidamos também a conhecer a Carta Fé na Democracia (www.fenademocracia.org.br). Composta no período anterior às eleições (2022), em conjunto com mais de 100 entidades e mais de 4 mil pessoas. Na carta, elencamos um diagnóstico daquele momento e um conjunto de valores que consideramos prioridade que seguem atuais. Assim, o 108 horas de Paz continuará enriquecendo o movimento da Carta Fé na Democracia, de maneira que possamos manter vivo este movimento.

Manhã | 8h às 12h

Lama Padma Samten – Físico, com bacharelado e mestrado em Física Quântica pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Foi professor de 1969 a 1994. Neste período, dedicou-se especialmente ao exame da Física Quântica, teoria na qual encontrou afinidade com o pensamento budista.

Em 1986 fundou o Centro de Estudos Budistas Bodisatva (CEBB), que hoje, além da sede em Viamão conta com vários  centros de prática e retiros em todo o país.

Em 1993, foi aceito como discípulo por Chagdud Tulku Rinpoche e em 1996 foi ordenado lama. Desde então, Padma Samten viaja pelo Brasil para oferecer palestras, retiros, estudos e práticas que integram os ensinamentos budistas e o treinamento da mente à vida cotidiana e às diversas áreas do saber, como educação, psicologia, economia, administração, ecologia e saúde.

Pesquisador, produtor e cinematográfo. Possuo um foco de examinar as transições justas para a sustentabilidade e regeneração. Olhando para os movimentos sociais e ecovilas no brasil e na construção de sistemas agroecológicos e nas políticas e visões de mundo emergentes. Também examino como a atividade dos movimentos sociais pode ser traduzida e implementada em políticas sociais que podem envolver o Sistema das Nações Unidas.

Prof.Dr. Nelton Luis Dresch…Mestre em Educação. Doutor em Desenvolvimento Rural. Leciona sobre Ciências da Natureza e Espiritualidade nas Licenciaturas em Pedagogia e Educação do Campo- Ciências da Natureza da Faculdade de Educação/ Departamento de Ensino e Currículo/ UFRGS.
Coordenador do NIETE -Núcleo Interdisciplinar de Estudos Transdisciplinares sobre Espiritualidade do Departamento de Desenvolvimento Social/Pro Reitoria de Extensão/UFRGS.

Engenheiro eletrônico com mestrado em engenharia de produção. Trabalhou 30 anos no ambiente corporativo industrial, onde foi executivo em várias áreas. Fundou o Instituto Elevar FX, que possui missão de Elevar a visão e a consciência da liderança no ambiente corporativo. O Intuito é introduzir outros aspectos como introspecção, sustentabilidade e gestão humanizada de pessoas, para estabelecer uma nova base além do modelo econômico tradicional e com isso gerar uma transformação profunda nos líderes. A partir dessa nova base eles poderão influenciar as visões e ações das empresas, que são necessárias para continuidade do planeta.
É aluno do Lama Padma Samten desde 2004 e ajudou a iniciar o CEBB Volta Redonda/Rj.

Doutor em sociologia, articulador do Fé no Clima, diretor adjunto do Iser, pastor batista, Rio de Janeiro.

Jornalista com pós-graduação em Gestão Ambiental pela COPPE/UFRJ, professor e criador do curso de Jornalismo Ambiental da PUC-Rio, escritor, palestrante, repórter da TV Globo, editor-chefe do “Cidades e Soluções” e comentarista dos programa “Estúdio i” e Em Pauta”, na Globonews, colunista das rádios espíritas Boa Nova e da Webradio Fraternidade. Autor de vários livros entre os quais “Viver é a melhor opção: a prevenção do suicídio no Brasil e no mundo”, “Espiritismo e Ecologia”, e “Cidades e Soluções: como construir uma sociedade sustentavel”.

Em Breve

Davi Windholz, nascido no Brasil em 1955, vive em Israel desde 1973. Casado pai de 3 filhos, avô de cinco belos netos. Formado em pedagogia pela Universidade de Jerusalém, especializado em educação informal. Pós-graduação em Dinâmica de Grupo e Terapia de Gestalt na Universidade de Tel Aviv e psicologia social pelo Instituto Pichon Rivier. Está finalizando Doutorado em Inteligência emocional e comunicação não violenta.
Durante mais de 20 anos trabalhou em projetos educacionais e comunitários em bairros pobres, desenvolvendo lideranças juvenis e comunitárias, tendo como seu mentor a Paulo Freire. Diretor pedagógico e professor no Instituto de educação Machon Moria, palestrante convidado no Instituto Galille, facilitador de grupos de desenvolvimento de inteligência emocional e comunicação não violenta, empowerment de mulheres e do projeto One Billion Raising . Durante 7 anos exerceu o cargo de diretor de Centro Comunitário e assessor de diretores.
Em 2014 passou a viver na Galileia, onde fundou uma ONG “Centro Alternativo de educação para a Paz e Comunicação não violenta”. Este centro oferece atividades bilingues hebraico-arabe para crianças, jovens e adultos – judeus, muçulmanos, cristões e drusos em Israel e na Palestina.
Ativista pela paz é:
• Membro da direção do Movimento “Land for All”, a favor de 2 estados confederativos (Israel e Palestina)
• Diretor-fundador “Galille for All” , rede de 25 ONGs que estão desenvolvendo um espaço comum árabe-judeu na Galileia Ocidental.
• Membro de Omdim Beyahad (Stand Together), organização de judeus e árabes em Israel a favor de direitos humanos, igualdade e fim do conflito e da criação do Estado da Palestina ao lado do Estado de Israel
• Membro da assembleia geral do movimento “Kol Ezracheia” (todos os cidadãos), partido político de judeus e árabes em Israel.
• Presidente-fundador de “Mãos para Paz”, rede internacional de educação para paz e não violência.

• Membro do Forum de Organizações pela paz em Israel, que congrega 90 organizações pró Palestina.
• Membro do Allmep (Aliance for Middle East Peace), que congrega 150 organizações israelenses e palestinas.
• Em todas suas atividades e projetos educacionais, comunitários e políticos Davi utiliza o modelo descrito no livro de sua autoria – “A psicopedagogia do amor”.

Davi também mantem contato com palestinos e judeus religiosos assentados na Cisjordânia para tentar criar uma ponte de diálogo para a reconciliação entre os povos. “O domínio sobre o outro, seja outra pessoa ou povo, cria uma relação na qual os dois lados não são livres. São escravos de suas narrativas, seus medos. A liberdade do um será total somente com a liberdade do outro. O movimento sionista como movimento de libertação do povo judeu, somente será completa e realizada quando o povo palestino obter a sua liberdade.

É o representante de S. S. o Dalai Lama para a América Latina e diretor executivo da Tibet House Brasil. Como diretor da Tibet TV, atuou como coordenador de mídia e de promoção cultural por quase 30 anos em Dharamsala, Índia.

Tem 57 anos e é presidente da FEPAL – Federação Árabe Palestina do Brasil, liderando a direção eleita no 10º Congresso da entidade.

É filho de pai e mãe palestinos que chegaram ao Brasil em 1960 e 1965 respectivamente. Nasceu em Toledo, cidade do interior do PR, e viveu em Maringá por 15 anos, onde estudou direito e foi jornalista por 11 anos.

É militante do movimento palestino no Brasil desde 1984. Militou, também, nos movimentos estudantil (universitário) e sindical. Durante 8 anos ocupou a cadeira árabe no Conselho Nacional de Promoção da Igualdade Racial (os seis últimos como titular).

Vive há 22 anos em Curitiba, onde é empresário. É casado com a jornalista e escritora Cassiana Pizaia, com quem tem uma filha de 20 anos e um filho de 17 anos.

Tarde | 14h às 17h

Educação como ferramenta de transformação do mundo interno e externo.

mãe do Antônio de 10 anos. Paulista, pedagoga e educadora há 21 anos com atuação em escolas públicas e particulares na educação infantil e ensino fundamental.

Dançarina desde a infância e formada Educadora Brincante pelo Instituto Brincante de São Paulo. Contadora e apreciadora de histórias.

É integrante do Grupo Toque de Comadre, coletivo de mulheres, mães, brincantes inspiradas nas manifestações da cultura popular.

Mora no CEBB Caminho do Meio e atua na Escola Caminho do Meio desde 2012, atualmente está na Direção Pedagógica. 

Iniciou a sanga kids do CEBB São Paulo em 2008 e é aluna do Lama Padma Samten há 18 anos.

Mulher anarcoecofeminista amadurecida pelas suas 60 voltas ao sol, mãe de Ana e Sebastian, avó da Ana Flor.  

Educadora de Infância e Alfabetizadora de crianças e Eja nas redes pública estadual(RS) e municipal de Porto Alegre(RS).

Ecopedagoga, ecologista  e educadora socioambiental de base comunitária na periferia.

Estudiosa da obra de Paulo Freire, com ênfase em Freire e as Infâncias. Organizadora e Cocriadora do Abecedário Freireano das Infâncias. 

Mestra e Doutora em Educação, com pesquisas e estudos pedagógicos, filosóficos e bioculturais sobre  Autopoiese, Autonomia, Bioantropo(i)ética e a Potência Humana das Crianças.

Pesquisadora orgânica, livre e autônoma de estudos em Conexão Profunda Criança-Natureza e Pedagogias da Potência, com base em Abya Yala e contracolonizações. 

Orientadora cientīfica ecopedagógica da Madre Tierra Comunidade Aprendente.

foi apresentada à meditação aos 8 anos. 

Em 2018, após um burnout e um ano sabático, deixou a carreira de administradora para ensinar meditação para crianças.

Em 2020, se formou como especialista em Alternativas Para uma Nova Educação, pela UFPR.

Criou o projeto Medita Criança Quatro Barras, no qual mais de 400 crianças da rede municipal de Quatro Barras (PR) tem aulas semanais de meditação.

Também atua em escolas particulares de Curitiba, dá aulas em pequenos grupos e para famílias, com crianças a partir dos 3 anos.

Ministra cursos sobre Meditação para famílias e educadores, buscando levar a meditação de forma lúdica e acessível para todos.

Iniciou sua caminhada de estudos e práticas de meditação em 2004, tendo participado de mais de 100 retiros de treinamento no Brasil e Japão, onde morou em duas ocasiões para aprofundamento nas práticas da Escola Soto Zen, observação da meditação em escolas japonesas e desenvolvimento em completude do Projeto Crescendo Zen. Sua abordagem secular vem impactando na vida de milhares de pessoas, influenciando e sendo absorvido por profissionais de diversas áreas de atuação nas redes de ensino particular e pública, já tendo beneficiado diretamente mais de 1.500 crianças e adolescentes entre 02 e 18 anos de idade e milhares de adultos desde 2016. Rachel Melo e o Projeto já têm 03 livros de meditação publicados, 2 prêmios de reconhecimento internacionais e um nacional.

https://www.crescendozen.com/

Psicopedagoga especialista em orientação de adultos. Consultora em desenvolvimento infantil, docência e parentalidade.
Há 25 anos atua na educação com foco no desenvolvimento humano, em diferentes contextos. É aluna do Lama Padma Samten, e fez parte da equipe pedagógica da Escola Caminho do Meio por sete anos. Idealizadora e facilitadora do projeto Cultivo de si, florescimento de todos. Acompanha pais, mães, educadores e crianças.

Psiquiatra, Professor de Psicoterapia e de Mindfulness e Educação Socioemocional do Instituto da Família de Porto Alegre. Associado do Viazen e do Zenpeacemakers Internacional

Facilitador e coordenador de projetos da ONG Gaia+, onde atua com formação em habilidades socioemocionais para escolas públicas e ONG’s do Brasil. Facilitador e formador do programa SEE Learning do Centro de Compaixão da Emory University. Instrutor e Trainer de Mindfulness formado pelo Mindfulness Trainings International – MTi através dos ensinamentos do Lama Jangchub Reid. Possui formação em Mindfulness aplicada à educação pelo Mindful Schools. É professor nos cursos de pós-graduação do Instituto Brasileiro de Formação de Educadores – IBFE, onde ministra a disciplina de Atenção Plena aplicada à educação.

Noite | 19h

19:00 | Puja com Lama Padma Samten
20:00 | Roda de conversa com os Adolescentes